Governo da Paraba

 

Imeq-Pb recebe representante do IMEP-Pi e é elogiado sobre novo modelo de fiscalização de cronotacógrafos

O Diretor Superintendente do Imeq-Pb, Dr. Arthur Galdino, recebeu na manhã da

última quinta-feira 23, o Presidente do IPEM Piauí e representante do Inmetro na região Nordeste, Maycon Danyllo. Maycon esteve em visita à Paraiba para acompanhar de perto a fiscalização de cronotacógrafo que tem sido realizadas nas rodovias estaduais para verificar as condições dos tacógrafos instalados nos caminhões de carga que circulam nas rodovias que cortam o estado.

 

 imeppi visita

 

O representante do Impem-PI declarou que ficou impressionado com os resultados do modelo de gestão das fiscalizações adotado pelo imeq-Pb desde o início de 2017, quando a arrecadação sobre esses instrumentos quase triplicou apenas no primeiro tremestre de 2017. Ele ainda alegou que, além do considerável aumento na arrecadação, esse novo modelo de fiscalização potencializa a prevenção de acidentes nas rodovias envolvendo veículos pesados, já que o tacógrafo tem a função de registrar a veolicidade em que esses veículos trafegam pelas rodovias brasileiras. Acompanhando a fiscalização juntamente com uma equipe de 20 fiscais, Maycon veio à Paraíba conhecer o trabalho do Imeq para aplicar em outros Estados e, assim, ajudar a diminuir o número de acidentes nas estradas e proteger a vida dos cidadãos. "Nossos caminhoneiros têm uma carga de trabalho bem intensa. Recentemente, identificamos que um deles dirigiu por 24 horas e parou apenas duas horas para descanso. O déficit no Brasil atualmente é de 60%. ”, relatou.

visita imep

O cronotacógrafo é um dispositivo de uso obrigatório utilizado por empresas de transporte (ônibus e caminhões), veículos escolares e de fretes que tem a função de monitorar a velocidade desenvolvida pelo veículo e o tempo em que o veículo esteve trafegando, incluindo o intervalo para repouso. As informações ficam armazenadas em um disco-diagrama feita de papel carbono e com capacidade para armazenar informações de um dia, semanas ou até períodos mais longos, dependendo da versão do aparelho. Lembrando que a velocidade máxima permitida por lei para esse tipo de veículo não deve ultrapassar os 80km/h. O dispositivo deve ter sua revisão atualizada a cada dois anos, sendo lacrado, selado e certificado. Os veículos que foram abordados e não estavam dentro dessas normas será autuado e multado. O valor da multa é a partir de R$ 1.000,00 e se caso o veículo for reincidente, esse valor aumenta consideravelmente. “Intensificamos recentemente as fiscalizações, passamos por mais de 20 cidades paraibanas e estamos fazendo um trabalho de forma periódica, o que nos dá a margem de uma média de 4 mil veículos por mês. Em apenas dois dias de operação, conseguimos verificar 400 veículos, sendo 60 autuados”, afirmou o superintendente do Imeq-Pb, Dr. Arthur Galdino.

Foram visitados, entre os dias 22 e 24 de março, os municípios de Puxinanã, Areial, Montadas, Esperança, Lagoa Seca, Queimadas e Barra de Santa Rosa. Ainda de acordo com o superintendente do Imeq-Pb, a meta é fiscalizar os 223 municípios paraibanos no primeiro semestre de 2017 e repetir as ações em seguida. "Vamos fiscalizar os 223 municípios, essa é uma orientação do Inmetro e do Governador Ricardo Coutinho, que pediu que essa abrangencia nãos e estenda apenas às cidades de grande porte, como João Pessoa e Campina Grande, mas em todos os municípios porque a importancia é a mesma", destacou.

Acompanhe mais o trabalho do Imeq-Pb, siga-nos nas redes sociais:  instagram/imeqpb e  facebook/Imeq-Pb

 

 

 

 

 

 


Instituto de Metrologia e Qualidade Industrial da Paraíba – IMEQ-PB
Av. Hilton Souto Maior, nº 4180 - CEP: 58.055-018  - Mangabeira VII – João Pessoa - Paraíba
PABX: (83) 3215.7400 / FAX: (83) 3215.7432 – C.N.P.J.  09.193.681/0001-26
Ouvidoria: 0800 281 7411